Certificado Internacional de Vacinação

1
Certificado Internacional de Vacinação

Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia – CIVP

Conheça os procedimentos para tomar a vacina contra a febre amarela e para a emissão do seu Certificado Internacional de Vacinação

Você sabia que alguns destinos internacionais exigem a vacina contra a febre amarela e o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia dos viajantes que pretendem entrar no país! Inclusive nos casos de conexões.

Lista de países que exigem o Certificado Internacional de Vacinação até em casos de conexões:

  • Afeganistão
  • África do Sul
  • Albânia
  • Arábia Saudita
  • Argélia
  • Antígua e Barbuda
  • Austrália
  • Bahamas
  • Barein
  • Bangladesh
  • Barbados
  • Belize
  • Benin
  • Butão
  • Bolívia
  • Bonaire
  • Botsuana
  • Brunei
  • Burkina Faso
  • Cabo Verde
  • Camarões
  • Camboja
  • Cazaquistão
  • Chade
  • China
  • Cingapura
  • Colômbia
  • Coreia do Norte
  • Costa Rica
  • Cuba
  • Curaçao
  • Djibuti
  • Dominica
  • Egito
  • El Salvador
  • Eritreia
  • Etiópia
  • Fiji
  • Filipinas
  • Gâmbia
  • Granada
  • Guadalupe
  • Guatemala
  • Guiné
  • Guiné Equatorial
  • Guiana
  • Haiti
  • Honduras
  • Ilhas Pitcairn
  • Ilhas Salomão
  • Indonésia
  • Irã
  • Iraque
  • Jamaica
  • Jordânia
  • Kiribati
  • Laos
  • Lesoto
  • Líbia
  • Madagascar
  • Malawi
  • Malásia
  • Maldivas
  • Malta
  • Martinica
  • Mauritânia
  • Maurício
  • Mayotte
  • Montserrat
  • Moçambique
  • Myanmar
  • Namíbia
  • Nauru
  • Nepal
  • Nova Caledônia
  • Nigéria
  • Niue
  • Omã
  • Panamá
  • Paquistão
  • Paraguai
  • Polinésia Francesa
  • Quênia
  • Quirguistão
  • Reunião
  • Ruanda
  • São Bartolomeu
  • São Cristóvão e Névis
  • Santa Lúcia
  • Saint Martin/Sint Maarten
  • São Vicente e Granadinas
  • Samoa
  • São Tomé e Príncipe
  • Santa Helena
  • Senegal
  • Seychelles
  • Somália
  • Sri Lanka
  • Sudão
  • Suriname
  • Suazilândia
  • Tailândia
  • Timor-Leste
  • Trinidad e Tobago
  • Tristan da Cunha
  • Tanzânia
  • Uganda
  • Vietnã
  • Wallis e Futuna
  • Zâmbia
  • Zimbábue

Alguns países controlam o Certificado Internacional de Vacinação apenas para viajantes que vieram de países de riscos. Outros, controlam e exigem o documento de todos os viajantes de passam pelo país.

Lugares que exigem o Certificado de Internacional de Vacinação de todos os viajantes

  • Angola
  • Burundi
  • República Centro-Africana
  • Congo
  • Costa do Marfim
  • República Democrática do Congo (ex-Zaire)
  • Guiana Francesa
  • Gabão
  • Gana
  • Guiné-Bissau
  • Índia
  • Libéria
  • Mali
  • Níger
  • Serra Leoa
  • Suriname
  • Togo

Muitos países também exigem um Seguro Saúde obrigatório. Antes de viajar verifique se o país de destino está na lista desses países: As 7 principais dúvidas sobre Seguro Viagem.

Entenda melhor a Febre Amarela

Mosquito Febre Amarela
Mosquito da febre amarela

O que é a Febre Amarela?

É uma doença infecciosa aguda, de curta duração (no máximo 10 dias), gravidade variável, causada pelo  vírus da febre amarela.

Como é transmitida?

A febre amarela é transmitida pela picada dos mosquitos transmissores infectados. A transmissão de pessoa para pessoa não existe.

Como se prevenir?

A única forma de evitar a febre amarela é a vacinação contra a doença. A vacina é gratuita e está disponível nos postos de saúde em qualquer época do ano. Ela deve ser aplicada 10 dias antes da viagem. Pode ser tomada a partir dos 9 meses e é válida por 10 anos.

Existe contra-indicação?

A vacina é contra-indicada a gestantes, imunodeprimidos (pessoas com o sistema imunológico debilitado) e pessoas alérgicas a gema de ovo. Para conseguir o certificado de isenção basta se dirigir a um dos Centros de Orientação com o laudo médico carimbado e assinado e o passaporte. Eles emitem o certificado na hora.

Posso tomar a vacina contra a febre amarela em qualquer posto de saúde?

Você pode se vacinar nos postos do SUS gratuitamente ou então procurar pelo serviço em postos privados credenciados.

Guarde o comprovante de vacinação para que depois consiga emitir o seu Certificado Internacional de Vacinação nos locais de emissão.

Lembre-se: Você precisa tomar a vacina com no mínimo 10 dias de antecedência do dia da viagem.

Se você vai viajar para o exterior, apresente o seu comprovante de viagem no momento da vacinação e receba uma dose única da vacina.

Certificado Internacional de Vacinação
Documento de Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia

Como emitir o seu Certificado Internacional de Vacinação?

Existem dois processos agora para emitir o seu Certificado Internacional de Vacinação

Presencial

Faça um pré-cadastro no site da ANVISA para agilizar a emissão do documento.
Clique em Cadastrar Viajante

E procure uma unidade credenciada para emitir o CIVP.

Online

Agora você tem a opção de imprimir o seu Certificado Internacional de Vacinação em casa.

Basta acessar o Portal de Serviços do Governo Federal com o seu usuário criado anteriormente e imprimir o seu certificado. O prazo para estar disponível para impressão na plataforma é de 5 dias úteis.

Dica: Vale entrar em contato com o Centro de Orientação para verificar se eles trabalham com agendamento ou não.

E pronto 🙂

 Rápido e Fácil  você já estará protegido e pronto para curtir a sua viagem em segurança!

 

Foto de capa: viagem e viagens

Fontes: Ministério da Saúde e ANVISA

Está planejando sua viagem? Eu te ajudo a fazer as suas malas com um Checklist de viagem internacional bem completo 🙂

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui